Programa

SÁBADO, 20 novembro 2021

08h00-12h00

Saídas Fotográficas “Manteigas: Vale por Natureza” / Experimentação de Equipamento
* Inscrição prévia a ser divulgada oportunamente. Esta sessões serão realizadas em parceria com as marcas presentes no festival e permitirão o contacto com o equipamento fotográfico da marca. Nestas sessões o participante não poderá fotografar com outro equipamento.
Serra da Estrela

15h00

Abertura Oficial do VII Imaginature: Festival de Fotografia de Paisagem

Auditório Municipal

15h30

Ciclo de Apresentações

Auditório Municipal

18h20

Entrega dos Prémios e apresentação das imagens premiadas do XXXV Concurso de Fotografia de Manteigas, Imaginature 2021 – Fotógrafo de Paisagem do Ano

Auditório Municipal

20h00

Final do 1º Dia

DOMINGO, 21 novembro 2021

10h00

Recepção e Boas-vindas

Auditório Municipal

10h00

Ciclo de Apresentações

Auditório Municipal

12h00

Pausa para almoço

14h30

Paisagem Aberta

Espaço para Discussão
Moderação de Ricardo Salvo

Auditório Municipal

16h00

Masterclass “Luz sobre o Gerês – Expectativa, Atmosfera e Técnica”

Auditório Municipal

17h00

Cerimónia de Encerramento

Auditório Municipal

Nota: Este programa pode sofrer alterações decorrentes das políticas de saúde pública a vigorar à data do festival. Consulte esta página e as nossas redes sociais no instagram e facebook para estar sempre atualizado.

A Sala de Exposições, contígua ao Auditório Municipal, apresentará duas exposições a divulgar oportunamente. O Auditório Municipal terá a capacidade limitada às regras de saúde pública em vigor à data. As regras de segurança podem ser consultadas aqui. Tudo para que possa, com o maior conforto e segurança, usufruir de dois dias de festival em perfeita tranquilidade.

Um tema, diferentes perspectivas

Em 2021, o festival tem como fio condutor o tema “PAISAGEM ABERTA”.

 

Há um ano atrás, a vida desenrolava-se de forma “normal”. O auditório de Manteigas encheu-se dessa normalidade vibrante e por ele passaram centenas de pessoas à procura do extraordinário no campo da produção de imagem de paisagem e do mundo natural. Hoje em dia, as palavras-chave mudaram radicalmente: distanciamento social, confinamento, pandemia, quarentena, ficar em casa…

As estratégias de proteção da população e de contenção de um vírus que nos trocou as voltas obrigaram um mundo inteiro a abrandar e mostraram-nos, claramente, que só juntos conseguimos sair a ganhar deste desafio.

A natureza, indiferente a tudo isto, continuou lá. De portas abertas. Continuou de uma forma diferente, mais pura, mais resiliente, com uma oportunidade única para recuperar e se regenerar. Enquanto os humanos foram obrigados a passar uma temporada em casa, as plantas recuperaram espaços perdidos, as aves voltaram a fazer os seus ninhos nas árvores das cidades desertas, os cursos dos rios engrossaram os seus leitos.

 

Como é óbvio, tudo isto é temporário. Quando voltarmos a ter uma vida normal, a natureza e a paisagem vão voltar ao que eram, pois tudo dependerá sempre de nós.

Temos diante de nós a oportunidade perfeita para repensar e encontrar o equilíbrio que a natureza precisa e que, no essencial da nossa existência, também nós precisamos para que este e outros corona vírus não nos forcem a ficar em casa uma e outra vez.

Nesta edição do Imaginature vamos procurar perceber como a fotografia de paisagem viveu este período, como se alterou e como o espaço albergou o fotógrafo que o procurou neste e em todos os momentos. A Paisagem continua Aberta para todos nós, mesmo quando os governos nos disseram que tínhamos de nos manter em casa. Que seja a oportunidade certa para fazermos um “reset” na forma como olhamos a natureza, como a retratamos e como interagimos com ela. Tudo para que o futuro possa ser mais extraordinário, mais sustentável, mais livre.

 

É este tema atual, que pede ao fotógrafo de paisagem que fique entre portas, que o IMAGINATURE pretende abordar na sua sétima edição.

 

Com inúmeras publicações, grupos de discussão, formações e atividades de lazer, a fotografia de paisagem é um dos estilos mais populares. Permite a criação de uma ligação ao meio natural, ajudando igualmente na sua promoção como destino turístico e na consciencialização da importância da preservação da natureza, uma tendência iniciada pelos grandes fotógrafos naturalistas do século passado.

Por tudo isto, a fotografia de paisagem tem um papel fundamental no meio que interessa potenciar num festival como o IMAGINATURE.

Através de um leque multifacetado de fotógrafos, mas não só, o Festival apresenta diferentes abordagens à promoção da paisagem e à utilização da fotografia como meio privilegiado na difusão da identidade cultural dos lugares que habitamos e visitamos.

 

Das serras ao mar, da natureza intocada à paisagem das nossas cidades, seja na intimidade da terra que se abre debaixo dos nossos pés à mais grandiosa da sua representação, todas estas abordagens estarão presentes. Prometemos que vai ver a paisagem como nunca a viu, através das emoções e das razões de quem se deixa tocar por ela com uma câmara fotográfica na mão.